Substrato Orgânico e Adubação com Fertilizante de Liberação Controlada na Produção de Mudas de Cedro-Rosa (Cedrela fissilis)

  • Eny Duboc Embrapa Agropecuária Oeste
  • Ivo de Sá Motta Embrapa Agropecuária Oeste
  • Etenaldo Felipe Santiago
  • Rayssa Meira
  • Adailton Moraes Nascimento
  • Lais Venturin Rafael Martini
Palavras-chave: Arbórea Nativa, Recuperação de Áreas Degradadas, Agroecologia.

Resumo

O custo de produção de mudas impacta os gastos dispendidos tanto nos plantios comerciais como nos plantios para revegetação de áreas degradadas. Substratos produzidos com compostos orgânicos alternativos e fertilizantes de liberação controlada (FLC) podem diminuir custos, reduzir o tempo de permanência no viveiro e produzir mudas de espécies florestais com melhor qualidade. Este trabalho, em casa de vegetação, avaliou o efeito de substratos e doses de fertilizantes no desenvolvimento e na qualidade de mudas de Cedrela fissilis. Os substratos utilizados foram: solo + composto orgânico (1:1), e solo + composto + areia (2:1:1), em esquema fatorial com diferentes doses (0; 4; 8; 16 e 32 g) de FLC por kg de substrato. O composto orgânico foi produzido com 50% de conteúdo ruminal + 50% de bagaço de cana, e o FLC utilizado possuía a seguinte composição (15–09–2 + micronutrientes). O melhor desenvolvimento e a melhor qualidade de mudas de Cedrela fissilis foi alcançado com o substrato solo + composto orgânico (1:1). As doses compreendidas entre 19,8 e 23,0 g de FLC por kg de substrato, proporcionaram as melhores mudas, independente do substrato utilizado.

Publicado
2018-12-28
Seção
AGROECOL - Sementes e Propágulos de Base Agroecológica