Empoderamento de mulheres negras a partir da cosmética natural

  • BARBOSA, Sara Gonçalves Universidade Federal de Viçosa
  • CRUZ, Amanda Figueiredo Universidade Federal de Viçosa
Palavras-chave: agroecologia, autonomia, identidade negra, plantas medicinais

Resumo

O coletivo SAUIPE – Saúde Integral em Permacultura, da Universidade Federal de Viçosa
promove oficinas e mutirões agroecológicos. O coletivo compreende a necessidade de trocar
saberes e tecnologias sociais com a população local que possibilitem autonomia e emancipação.
Neste trabalho relatamos a oficina de confecção de produtos de higiene e limpeza
ecológicos, que envolveu mulheres - moradoras dos bairros Romão dos Reis e Rua Nova,
em Viçosa, MG - como mães, trabalhadoras e jovens, compreendendo-as não só como cidadãs
socialmente exploradas e marginalizadas pelo sistema hegemônico, mas também como
detentoras de saberes, práticas e resistência ancestrais. Após a realização da oficina surgiu
demanda de retornarmos às comunidades para realizar outras oficinas, gerando novos aprendizados
que contribuam no processo de autonomização das mulheres e possibilidade futura
de geração de renda, além, é claro, do fortalecimento de sua autonomia e mudanças no relacionamento
com o próprio corpo.

Publicado
2018-08-19