Compostagem como uma estratégia de redução dos resíduos sólidos descartados no ambiente escolar

  • Clara Soares de Freiras Guimarães Universidade Federal de Viçosa
  • Carolina Villela Moreira Universidade Federal de Viçosa
  • Élida Lopes Miranda Universidade Federal de Viçosa
Palavras-chave: Educação ambiental., Agroecologia., Resíduos orgânicos.

Resumo

O Grupo de Agroecologia e Agricultura Orgânica da UFV (GAO), desde 2018, utiliza a compostagem como um instrumento pedagógico no Laboratório de Desenvolvimento Infantil da UFV (LDI/UFV). O objetivo deste trabalho é analisar o potencial da compostagem na redução dos resíduos sólidos no ambiente escolar. O percurso metodológico deste trabalho trata-se de uma abordagem qualitativa, embasada nos métodos da pesquisa-ação definida por Thiollent (2004). A pesquisa foi realizada diretamente com crianças de três, quatro e cinco anos, matriculadas no turno da manhã no LDI/UFV, e funcionários da instituição. Em junho de 2018, os resíduos orgânicos do LDI/UFV passaram a ser compostados e a manutenção da composteira começou a integrar a rotina diária das crianças e dos funcionários, o que contribuiu para as práticas de Educação Ambiental na instituição. É possível concluir que a compostagem representa um instrumento pedagógico no LDI/UFV com o potencial de reduzir o volume de resíduos sólidos descartados diariamente na instituição, além de disseminar a prática de compostagem na comunidade escolar.

Publicado
2020-04-08