Sementes do Saber: Tradições Camponesas, Soberania Alimentar e Defesa da Agrobiodiversidade no Vale do Jequitinhonha

  • Clebson Souza de Almeida Universidade Federal dos Vales do Jequitinhonha e Mucuri – UFVJM – curso de Licenciatura em Educação do Campo – LEC.
  • Shaiene Alves Cordeiro Centro de Agricultura Alternativa Vicente Nica – CAV e Instituto Federal do Sul de Minas – campus Inconfidentes, curso de Licenciatura em Educação do Campo em Ciências Agrárias - LECCA
  • Fabiana Eugênio Centro de Agricultura Alternativa Vicente Nica – CAV
  • Valmir Soares de Macedo Centro de Agricultura Alternativa Vicente Nica – CAV
Palavras-chave: famílias guardiãs, diversidade genética, camponês.

Resumo

Este trabalho busca apresentar e refletir sobre a experiência do Centro de Agricultura Alternativa Vicente Nica - CAV, na conservação de sementes crioulas no Vale do Jequitinhonha, região nordeste de Minas Gerais, Brasil, em parceria de agricultores (as) familiares e comunidades tradicionais desta região, que compõem o grupo de famílias guardiãs da agrobiodiversidade. A partir de metodologias participativas de ações e pesquisas, foi realizado um levantamento da agrobiodiversidade local e sistematização de informações sobre as espécies vegetais. Tudo isso foi registrado em um catálogo impresso e digital tornando-se este material didático/pedagógico um dos produtos finais de um processo dinâmico e participativo construído nos últimos 5 anos, cujo objetivo principal é facilitar a identificação, conservação, resgate, multiplicação e trocas destas sementes por parte de camponeses/as da região e os respectivos saberes desenvolvidos no território.

Publicado
2020-11-25