Percepção de Agricultores Familiares Sobre o Desempenho de Sistemas Agroflorestais Biodiversos

Uma Análise na Região Centro-Sul de Mato Grosso do Sul, Brasil

  • Gleicy Jardi Bezerra UFRGS
  • Jaqueline Silva Nascimento UFGD
  • Jerusa Cariaga Alves Instituto Agriverdes
  • Madalena Maria Schlindwein UFGD
  • Milton Parron Padovan Embrapa Agropecuária Oeste, Dourados, MS
Palavras-chave: Manejo sustentável, produção de alimentos, geração de renda, melhorida qualidade ambiental.

Resumo

Os sistemas agroflorestais biodiversos (SAFs) são considerados uma alternativa de uso do solo de forma sustentável, os quais têm sido divulgados nas últimas décadas como importante alternativa à agricultura familiar, visando a produção de alimentos e a geração de renda. Nesse contexto, desenvolveu-se um estudo com o objetivo de avaliar a percepção dos produtores rurais quanto à eficiência desses agroecossistemas relacionados a aspectos ambientais e econômicos dos agricultores familiares. Os dados foram coletados junto a agricultores familiares localizados no assentamento Lagoa Grande, município de Dourados, Mato Grosso do Sul, Brasil, através de entrevistas utilizando-se um roteiro semiestruturado, contendo questões abertas e fechadas. Foram analisados aspectos como tamanho da propriedade, tamanho da área destinada para os SAFs, fatores que motivaram a implantação dos SAFs, renda obtida nos SAFs, benefícios dos sistemas, dentre outros. Os principais resultados apontam que, embora o número de pessoas que residem na propriedade é pequeno, sendo a maioria das pessoas aposentadas, a implantação dos SAFs surgiu após realização de curso e, dentre os benefícios que proporcionam, além da produção de alimentos e geração de renda, melhora o clima, minimiza o uso de defensivos agrícolas, além de proporcionar a recuperação ambiental. Ou seja, os sistemas impactam positivamente a vida das famílias agricultoras, gerando diversidade de alimentos e renda, agregando-se, também o bem-estar face à melhoria da qualidade ambiental.

Publicado
2019-01-04
Seção
AGROECOL - Sistemas agroflorestais em bases agroecológicas