O Grupo Bem-Estar de Ladário-MS e os Canais de Comercialização

  • Bárbara Marcela de Castro MARTINS Ufms
  • Emmanuel Alexandre Cavasana OLIVEIRA
  • Ramona Trindade Ramos DIAS
  • Edelir Salomão GARCIA
  • Edgar Aparecido da COSTA
Palavras-chave: Agroecologia, Fronteira, Produção orgânica

Resumo

O objetivo deste estudo foi analisar as estratégias utilizadas pelos componentes do Grupo Bem-Estar para a comercialização dos seus produtos e qual o principal canal de comercialização de sua preferência. Para atender aos objetivos do presente estudo optou-se por uma pesquisa de abordagem qualitativa e quanto aos procedimentos utilizou-se a pesquisa de campo e a entrevista semiestruturada foi escolhida como instrumento de coleta de dados. A produção do Grupo é basicamente destinada à venda nas feiras de Ladário, da UFMS/CPAN, da Embrapa Pantanal e do IFMS de Corumbá, além dos Programas Governamentais de Aquisição de Alimentos para a Agricultura Familiar (Programa de Aquisição de Alimentos e o Programa Nacional de Alimentação Escolar). Com esse estudo verificou-se que todos os canais de comercialização são importantes, no entanto cada um tem sua preferencia, seja pela segurança, venda de todo produto, conforto ou reconhecimento. A certificação é a chave para o reconhecimento do fazer dessas famílias camponesas. Qualificar e certificar seus produtos com selo de alimento orgânico e qualificar o sistema produtivo fará que o grupo se torne ainda mais reconhecido, colaborando para a ampliação da renda familiar, especialmente nas vendas para os programas governamentais de aquisição de alimentos, bem como ampliar os canais de comercialização.

Publicado
2018-12-29
Seção
AGROECOL - Redes de Comercialização de Produtos Agroecológicos e Economia Solid