Avaliação Socioeconômica e Ambiental no Assentamento Aba da Serra, Ponta Porã/MS, através do MESMIS

  • Cleide BRACHTVOGEL
  • Ana Caroliny FERNANDES UFGD
  • Zefa Valdivina PEREIRA
Palavras-chave: MESMIS, indicadores de sustentabilidade, parâmetros

Resumo

Utiliza metodologia voltada para a agricultura familiar e avalia a sustentabilidade de um agroecossistema a partir de três dimensões – ambiental, econômica, social e suas inter-relações. Este A atividade agrícola é o principal meio de interação entre o homem e a natureza, a forma como essa atividade é conduzida afeta o meio ambiente, de modo que buscar a sustentabilidade na agricultura é fundamental, o MESMIS – Marco para Evaluación de Sistemas de Manejo de Recursos Naturales Incorporando Indicadores de Sustentabilidad – foi criado em 1995trabalho teve por objetivos a criação, seleção e aplicação de indicadores de sustentabilidade, composto por 22 parâmetros utilizando o MESMIS, no Assentamento Aba da Serra. Os indicadores selecionados para a avaliação de sustentabilidade foram agrupados e para cada parâmetro associado a um indicador, foram estabelecidas notas. Durante a pesquisa, se caracterizaram distintos agroecossistemas que expressam diferentes lógicas de produção familiar, demonstrando, as iniciativas das famílias em se adaptar ao atual contexto ambiental e socioeconômico destacaram que as atividades agrícolas exigiam certo nível de variabilidade e flexibilidade dos processos, pois na maioria das vezes precisam se adequar a muitos fatores em constante transformação, como variações climáticas e condições do solo. Finalmente, foram observados pontos fortes de grande relevância, como a questão da garantia da segurança alimentar e o exercício da integração social, o que evidencia o papel da Agricultura Familiar, que em meio às contradições e pressões da agricultura moderna, persiste e fortalecem iniciativas e processos sociais que apontam para formas de produção sustentáveis.

Publicado
2019-01-05
Seção
AGROECOL - Construção de Conhecimentos Agroecológicos