Parâmetros físicos de um LATOSSOLO VERMELHO-AMARELO cultivado sob cinco sistemas de preparo

  • Urbano Teixeira Guimarães e Silva Universidade Federal de Viçosa
  • Yara Karine de Silva Lima Universidade Federal de Viçosa
  • Alberto Carvalho Filho Universidade Federal de Viçosa
  • Renato Adriane Alves Ruas Universidade Federal de Viçosa
  • Luís Cesar Dias Drumond Universidade Federal de Viçosa
Palavras-chave: Compactação do solo., Penetrômetro de impacto., Trado de Uhland.

Resumo

Os sistemas de preparo e manejo do solo determinam as condições físicas para o desenvolvimento e produtividade das culturas. Porém, com o uso intensivo de máquinas e implementos têm sido detectadas camadas de solo compactadas. Objetivou-se com esse trabalho, avaliar os efeitos das operações de preparo de solo em LATOSSOLO VERMELHO-AMARELO Distrófico. O experimento consistiu em 5 tratamentos como preparo solo utilizando: arado de aivecas, arado de discos, grade aradora intermediária, escarificador e enxada rotativa. As avaliações foram realizadas de 0,1 em 0,1 m, até a profundidade 0,6 m, observando as propriedades físicas do solo: densidade, resistência mecânica à penetração e umidade do solo. Constatou-se que o arado de discos e a grade aradora intermediária aumentaram a resistência mecânica do solo à penetração na camada de 0,2 a 0,3 m de profundidade. A resistência mecânica do solo à penetração mostrou-se mais sensível na avaliação da compactação. A enxada rotativa ocasiona menor densidade do solo na camada mobilizada pelo equipamento.

Publicado
2020-03-31