A FORÇA DA MULHER NA COMUNIDADE MAGEBRAS (MARAJÓ-PARÁ): AGROECOLOGIA, EMPODERAMENTO E SEGURANÇA ALIMENTAR

  • Brenda da Silva Salazar
  • Taiane da Silva Santos
  • Isaneide Rocha de Souza
  • Eunápio Dutra do Carmo
Palavras-chave: Agroecologia; Mulheres; Segurança alimentar.

Resumo

O presente trabalho foi realizado na comunidade Ribeirinha Magebras, no município de Breves,
localizado na Ilha do Marajó, esta região é historicamente marcada pela exploração decorrente
do ciclo da madeira, em um longo processo de desestruturação social e ambiental. Nessa
realidade a atuação das mulheres é perceptível tanto na participação social das comunidades
como também nas atividades de organização política. Com relação às iniciativas tomadas para
o desenvolvimento dos trabalhos na comunidade para a formação da associação dos moradores
e para dar início aos projetos de implantação de sistemas produtivos de caráter agroecológico,
levando em consideração a posição social que a mulher ocupa, caracterizando dessa forma um
olhar sensível que é necessário para a Agroecologia, porém não se pode afirmar que está é uma
característica natural, mas que é resultado da relação existente entre homens e mulheres na
sociedade patriarcal e capitalista. O objetivo deste trabalho é analisar a atuação das mulheres
ribeirinhas na comunidade Magebras, a partir da conexão entre a agroecologia e
empoderamento. Tendo como base os conhecimentos tradicionais presentes nas atividades
como plantio de hortaliças e produção da farinha. A metodologia utilizada foi a pesquisa de
campo, entrevista semi-estruturada, e observações, bem como pesquisas bibliográficas que
discutem sobre tema agroecologia e a inserção das mulheres neste campo. A escolha por este
tema está vinculada à importância das mulheres para o desenvolvimento dos sistemas
produtivos agroalimentares relevantes para a segurança alimentar e de caráter nutricional das
famílias e da comunidade, no campo da agroecologia.

Publicado
2021-07-14
Seção
Trabalhos apresentados sobre Mulheres, Feminismos e Agroecologia