Produção de cultivares de mandioca nas entrelinhas de um sistema agroflorestal

  • Joice Mari Assmann Instituto de Desenvolvimento Rural do Paraná - IAPAR-EMATER
  • Jeferson de Medeiros Matt Instituto de Desenvolvimento Rural do Paraná - IAPAR-EMATER / UTFPR
  • Janaína Dartora Instituto de Desenvolvimento Rural do Paraná - IAPAR-EMATER
  • Winnie Cezario Fernandes Instituto de Desenvolvimento Rural do Paraná - IAPAR-EMATER
  • Norma Kiyota Instituto de Desenvolvimento Rural do Paraná - IAPAR-EMATER
  • Andrea Becker Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária
Palavras-chave: Agroecologia; Manihot esculenta; Agrofloresta; Aipim

Resumo

Os Sistemas Agroflorestais (SAF´s) são uma das estratégias de uso da terra que permite a produção de espécies arbóreas e anuais juntas. A mandioca por ser um produto de base na agricultura familiar destaca-se pela sua versatilidade, e seu uso em SAF´s, principalmente em ambientes subtropicais e tropicais. O seu consumo pode ser in natura ou processada, dando origem a diversos produtos alimentícios. O objetivo deste trabalho foi avaliar o desenvolvimento e produtividade de oito cultivares de mandioca, sob manejo agroecológico, cultivadas nas entrelinhas de um SAF em fase inicial de desenvolvimento. O estudo foi desenvolvido na área de Sistemas Agroecológicos, implantada no Polo de Pesquisa e Inovação de Pato Branco do IDR-Paraná. As variedades avaliadas foram a IPR Upira, SCS262 Sempre Pronto, SCS263 Guapo, SCS261 Ajubá, SCS260 Uirapuru, IAPAR 19 – Pioneira, BRS 396 e a crioula “Casquinha Rosa”. As manivas foram plantadas em quatro entrelinhas em agosto de 2020. Em maio de 2021 essas cultivares foram analisadas quanto à altura de planta, quantidade de ramos, produtividade de raízes, com e sem casca, e tempo de cozimento. A maior produção de raízes, para a cultivar crioula “Casquinha Rosa”, com produção média de 30,92 t ha-1. Já a cultivar BRS 396 foi a que apresentou menores perdas no processamento de retirada da casca, 42,70%. Todas a cultivares dentro de suas características obtiveram bom desempenho no SAF agroecológico, sendo a cultivar crioula “Casquinha Rosa” e a Sempre Pronto as mais produtivas e a cultivar Uirapuru a de mais rápida cocção.

Publicado
2022-03-21
Seção
RTA - Desenho e manejo de agroecossistemas de base ecológica e em transição