Pesca artesanal e agroecologia: uma aproximação a partir da soberania alimentar

  • SOUZA, Leandro Inakake de Universidade de Córdoba
  • GALLAR, David Universidade de Córdoba
Palavras-chave: pesca sustentável, territórios pesqueiros, sociobiodiversidade

Resumo

A pesca artesanal é uma atividade tradicional e vem sofrendo diversas perdas de reconhecimento
e direitos, respeitar que as pescadoras e pescadores artesanais devem
ser reconhecidos pelo que desenvolvem em seu território pesqueiro e pela forma que
se reproduzem como sujeitos sociais é central para a construção de políticas públicas.
Uma aproximação da pesca artesanal com a agroecologia baseada na soberania alimentar
permite que esse reconhecimento seja possível, fortalecendo tanto as pescadoras
artesanais como a agroecologia. Para isso foi utilizado informações de um observador
participante que atuou como assessor técnico entre os anos de 2010 e 2015,
a partir de relatos orais e caderno de campo, e de revisão bibliográfica, que permitiu
concluir a partir dos pilares da soberania alimentar ser possível reconhecer as pescadoras
artesanais como sujeitos de transformação, num território, cuidando de um bem
comum, desde uma perspectiva de uma pesca artesanal de base agroecológica.

Publicado
2018-08-19