A relação escola-aluno no processo de aprendizagem com pedagogia da alternância no ensino técnico agrícola integrado ao ensino médio

  • PINA, Ticiana Petean UNESP
  • SANT’ANA, Antonio Lázaro UNESP
  • MAIA, Ana Heloisa UNEMAT
  • PINA, Matheus Alexandre dos Santos UNESP
  • GONZAGA, Douglas de Araujo UNEMAT
Palavras-chave: jovens rurais, modo de vida rural, assentamentos

Resumo

O presente artigo visa dar voz aos jovens filhos de assentados rurais que cursam o ensino técnico
agrícola na modalidade alternância no Centro Estadual de Educação Tecnológica Paula
Souza (Ceeteps), na unidade Escola Técnica Estadual (ETEC) “Sebastiana Augusta de Moraes”,
localizada no município de Andradina -SP. Salienta-se aqui a importância da relação escola-
aluno, neste caso, a relação professor-aluno para o bom funcionamento da pedagogia da
alternância como ferramento de valorização escolar e do modo de vida rural. Constatou-se que
a escola tem cumprido seu papel uma vez que os alunos se sentem favorecidos ao frequentar
as aulas, tem proximidade e boa relação com os professores e ainda valorizam a alternância
como ferramenta educacional, sem a qual não poderiam frequentar o curso escolhido.

Publicado
2018-08-19