Compreensões das professoras indígenas da escola Ita-Ara sobre os saberes tradicionais de agricultura da etnia Pitaguary

  • JARDIM, Julia Universidade Estadual do Ceará
  • LIMAVERDE, Patricia Universidade Estadual do Ceará
Palavras-chave: Etnobiologia, Educação indígena, Agroecologia, Saberes tradicionais

Resumo

Trata-se de uma etnopesquisa realizada na escola indígena Ita-Ara, localizada na terra indígena
da etnia Pitaguary de Monguba, Pacatuba-CE, que buscou investigar quais são as
compreensões das professoras indígenas sobre o papel da escola na valorização dos saberes
tradicionais vinculados à agricultura do povo Pitaguary. Todas as professoras entrevistadas
demonstraram profundo esclarecimento sobre a importância da escola para o fortalecimento
dos conhecimentos tradicionais de agricultura e relataram já ter desenvolvido algum projeto
nesse sentido. Através da partilha de experiências, evidenciou-se a importância do diálogo
entre os diversos saberes e estabeleceu-se projetos futuros como a implementação coletiva
de uma horta agroecológica no espaço escolar, priorizando o resgate dos conhecimentos tradicionais
dos agricultores nativos. Dessa forma a educação, quando pautada na valorização
da vida e da diversidade, vai de encontro aos princípios da agroecologia.

Publicado
2018-08-18