Mulheres e o resgate do conhecimento popular sobre o uso de plantas medicinais no Nordeste Paraense

  • SANTOS, Carolina Simões dos Universidade Federal Rural da Amazônia
  • SOARES, Aparecida Hurtado Universidade Pablo de Olavide - Sevilha/Espanha
  • SOUZA, Alciêde Pereira Universidade Federal Rural da Amazônia
  • NOBRE, Henderson Gonçalves Universidade Federal Rural da Amazônia
Palavras-chave: Agroecologia, intercâmbios, saberes, capacitação, agricultoras

Resumo

Buscando resgatar saberes, construir conhecimento e contribuir na construção da equidade
nas relações de gênero junto aos agricultores e agricultoras familiares da região nordeste
paraense, o Núcleo de Estudos, Pesquisa e Extensão em Agricultura Familiar e Agroecologia
(NEA), desenvolve trabalhos de extensão universitária utilizando a Agroecologia como ciência,
prática e movimento, sendo um importante instrumento neste processo de intercâmbios e
construção de conhecimento agroecológico. Assim, este trabalho busca apresentar a extensão
universitária de base agroecológica como ferramenta de valorização do conhecimento popular
a respeito do uso de plantas medicinais e condimentares, bem como visibilizar o trabalho
das mulheres camponesas nesse processo. Deste modo, realizou-se uma oficina teórico-prática
de Plantas Medicinais e Condimentares, que deu origem a uma unidade demonstrativa de
Horto Medicinal que servirá para o uso da comunidade local e arredores.

Publicado
2018-08-19