Efeito do álcool 70% como veículo de preparação de substâncias homeopáticas na produção de mudas de alface cv. Regina de Verão

  • Esther Mariana Flaeschen de Almeida Nunes UFRRJ
  • Maria do Carmo de Araújo Fernandes CEPAO/PESAGRO-RJ
  • Anelise Dias Departamento Fitotecnia UFRRJ
  • Viviane F Moreira
Palavras-chave: Produção orgânica de mudas; Homeopatia vegetal; Agrohomeopatia

Resumo

A cultura da alface se define como uma importante hortaliça folhosa cultivada em diversas regiões do mundo, sendo fonte de vitaminas, sais minerais, cálcio e ferro. A Homeopatia vem ganhando destaque como ferramenta à transição agroecológica, uma vez que possibilita alternativas viáveis à promoção da sustentabilidade dos sistemas agrícolas. O sistema de produção de mudas de qualidade voltadas a produção orgânica/agroecológica ainda se configura como um gargalo da cadeia produtiva, por essa razão, o presente estudo tem por finalidade avaliar o efeito de quatro substâncias homeopáticas quando preparadas no veículo hidroalcóolico de graduação 70%, sobre a produção de mudas de alface cv Regina de Verão. De acordo com a metodologia proposta verificou-se que o álcool 70%, como veículo das preparações, na concentração de 3mL/L, se apresentou tóxico à produção de mudas de alface impedindo a expressão das substâncias homeopáticas.

Publicado
2022-03-29
Seção
RTA - Desenho e manejo de agroecossistemas de base ecológica e em transição